O que a menina Li consegue captar por aí com a sua Sony...e mais alguns vipes e divagações!

New stuff

Damn!

Até tu, Brutus?!

You wouldn't!!!

Nooooooooooooo

Já chega de cartões, pode...

Bam!

I know nothing and I'm go...

É...

This.

Do Português!

Old (but good) stuff

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Quinta-feira, 18 de Abril de 2013

Fazer a diferença

Aqui há tempos mencionei num post que ia enviar uma série de roupa de criança para o Quénia, através de uma amiga que lá tinha feito voluntariado. Ora, provavelmente, já viram nos telejornais ou leram no jornal a reportagem que faz menção ao projeto que a Marta Baeta criou depois de vir, para continuar a ajudar! A Marta trouxe aqueles meninos no coração e continua a batalhar por eles!

Conheço a Marta há uma série de anos, é a minha amiga dos "animais", costumo eu dizer pois conhecemo-nos aquando da construção do novo canil de uma associação. Foi amizade à primeira vista, já que naquele primeiro dia fizemos parelha para uma série de coisas, inclusivé muito mimo aos animais;) Mas a Marta quis sempre mais, é uma miúda furacão e nunca está parada! Quando me contou que ia para a Kibera perguntei-lhe se não era demais para ela, afinal, as condições iam ser muito precárias, aliás, tão precárias que ela nem sabia bem onde ia dormir. Mas isso não a impediu e lá foi. Hoje, uma série de miúdos frequentam a escola todos os dias porque ela lutou por isso. Já lhe disse que tem de ter um montão de filhos, porque tem de ter um montão de netos para contar estas histórias:P

 

Se quiserem saber mais, podem ir acompanhando a página que criou recentemente no FB e que já conta com uma série de "Gostos" :)

 

https://www.facebook.com/FromKiberaWithLove

 

Segunda feira lá estarei no "5 para a meia noite" para apoiá-la pois foi convidada a ir lá falar do projeto!

Vejam lá se me descobrem pela plateia:P


Ela é que sabe, a Li às 23:59

link do post | Diga lá de sua justiça | favorito

Who's this chick anyway?

Pesquisar

 

Julho 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


Tags

todas as tags

Coisas mais lindas

Bom dia

blogs SAPO

subscrever feeds